Parábola da tábua e dos pregos

Parábola da tábua e dos pregos

Era uma vez um rapazinho que tinha um temperamento muito explosivo.

Um dia, o pai deu-lhe um saco cheio de pregos e uma tábua de madeira.

Disse-lhe que martelasse um prego na tábua cada vez que perdesse a paciência com alguém. No primeiro dia o rapaz pregou 37 pregos na tábua. Já nos dias seguintes, enquanto ia aprendendo a controlar a ira, o número de pregos martelados por dia foram diminuindo gradualmente.

Ele foi descobrindo que dava menos trabalho controlar a ira do que ter que ir todos os dias pregar vários pregos na tábua…

Finalmente chegou o dia em que não perdeu a paciência uma vez que fosse.

Falou com o pai sobre seu sucesso e sobre como se sentia melhor por não explodir com os outros.

O pai sugeriu-lhe que retirasse todos os pregos da tábua e que lha trouxesse.

O rapaz trouxe então a tábua, já sem os pregos, e entregou-a ao pai.

 Este disse-lhe: – Estás de parabéns, filho! Mas repara nos buracos que os pregos deixaram na tábua. Nunca mais ela será como antes.

Quando falas enquanto estás com raiva, as tuas palavras deixam marcas como essas. Podes enfiar uma faca em alguém e depois retira-la, mas não importa quantas vezes peças desculpas, a cicatriz ainda continuará lá. Uma agressão verbal é tão violenta como uma agressão física.

Amigos são joias raras, cada vez mais raras. Eles fazem-te sorrir e encorajam-te a alcançar o sucesso. Eles emprestam-te o ombro, compartilham os teus momentos de alegria, e têm sempre o coração aberto para ti.

Por outro lado e segundo Ghandi: “Aprendi através da experiência amarga a suprema lição: controlar minha ira e torná-la como o calor que é convertido em energia. Nossa ira controlada pode ser convertida numa força capaz de mover o mundo.”

Assim convertam a vossa ira, e ajudem a mover o mundo, começando por se mudar a vocês próprios!

Peçam desculpa pelas cicatrizes que tenham deixado!

Fonte: Autor desconhecido – Recebido por Email.

+

Tem um dia magnífico. Diverte-te!

Anúncios

About Jorge Duarte da Silva

” Mudar o mundo, ajudando cada um individualmente a mudar a forma como o vê! “

Posted on 2011/11/03, in Motivador Pessoal and tagged , , , , , . Bookmark the permalink. 11 comentários.

  1. Reblogged this on NeuroCrescimento and commented:

    Quando falas enquanto estás com raiva, as tuas palavras deixam marcas como essas. Podes enfiar uma faca em alguém e depois retira-la, mas não importa quantas vezes peças desculpas, a cicatriz ainda continuará lá.

  2. Muito bom. Vou pensar nisso e martelar menos na vida

  3. Parabens!!! Otima reflexao

  1. Pingback: Tolerante ou “olho por olho” ? | Neurocrescimento

  2. Pingback: “Raiva” – Deixa o barro secar! « NeuroCrescimento

  3. Pingback: O poder do “Orgulhoso”! | NeuroCrescimento

  4. Pingback: Gostas de cobrar pelo mal que te acontece? | NeuroCrescimento

  5. Pingback: Gostas de demonstrar a tua raiva aos outros? | NeuroCrescimento

  6. Pingback: Perdoar para construir pontes! | NeuroCrescimento

  7. Pingback: 900 Gostos. Muito Grato! | NeuroCrescimento

  8. Pingback: ” Hard To Say I`m Sorry “- É difícil dizer “Desculpa-me” | NeuroCrescimento

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: