Monthly Archives: Agosto 2012

O Rato que salvou o Leão !

Um dia um Leão foi acordado por um Rato que passou a correr pelo seu rosto. Com um salto rápido ele agarrou-o e estava quase a matá-lo, quando o Rato suplicou:
– Se poupares a minha vida, tenho a certeza um dia poderei retribuir a tua bondade!
O Leão deu uma grande gargalhada com desprezo e soltou-o.
Alguns dias depois o Leão foi capturado por caçadores, que o amarraram com fortes cordas no chão. O Rato reconheceu o seu rugido,  aproximou-se Read the rest of this entry

Como “Liderar” usando a técnica do “Procusto” !

Na mitologia grega, um “bandido” chamado Procusto , que vivia na serra de Elêusis, convidava as pessoas para passarem a noite na sua cama de ferro, que tinha o tamanho dele.
Mas havia uma armadilha nesta hospitalidade: ele queria que os visitantes coubessem com perfeição, na cama. Se eram muito baixos Read the rest of this entry

Balanço do 1º Ano NeuroCrescimento

Foi a 26/8/2011 que nasceu o Blog “ neurocrescimento ”.

A ideia inicial deste blog assentou na intenção de guardar algumas histórias e parábolas recebidas por Email que foram ficando arquivadas. Como sempre aprendi, a informação só tem valor quando:
1) Aplicada na prática.
2) Transmitida a outras pessoas que possam aproveitar a mesma.
Com base nestas duas opções decidi que criar um blog seria a melhor forma, ficaria a minha informação guardada e ao mesmo tempo disponível para partilhar com o mundo. Read the rest of this entry

Consegues rir-te várias vezes seguidas da mesma anedota ? E chorar do mesmo problema?

Um homem considerado como muito sábio sentou-se perante uma plateia e contou uma anedota.
Todo os presentes sem exceção riram até não poderem mais!

Após alguns instantes o sábio homem, contou de novo a mesma anedota.
Desta vez apenas metade da audiência se riu. Read the rest of this entry

E se os teus problemas forem “feijões” nos sapatos. O que fazes?

Existe uma lenda muito antiga em que um monge, próximo de se reformar, precisava de encontrar um sucessor.

Entre os seus discípulos, dois deles já tinham demonstrado de que eram os mais aptos, mas apenas um poderia ser o sucessor.
Para desfazer as dúvidas, o mestre lançou um desafio, pondo a sabedoria dos dois à prova:
– Vocês os dois, são os mais bem preparados, tenho apenas um último desafio: Ambos vão receber alguns grãos de feijão, que devem colocar dentro dos sapatos. Com os grãos de feijão nos sapatos vão subir aquela grande montanha!

Dia e hora marcada, começou a prova. Nos primeiros quilómetros, um dos discípulos começou a mancar. A meio da subida, parou e tirou os sapatos, as bolhas dos seus pés sangravam, causando muitas dores. Ficou para trás, observando seu “adversário” desaparecer da sua vista. Read the rest of this entry

Liderança – Aprenda com Tom Sawyer!

Existe um episódio, no romance de Mark Twain, Tom Sawyer, onde Tom é confrontado com o nada invejável trabalho de pintar a cerca da sua tia Polly, à vista dos seus amigos que vão passar por ali daí apouco. Quando seus amigos aparecem, Tom movimenta o pincel com entusiasmo e com muita alegria, sugerindo que aquela tarefa que poderia parecer tediosa, afinal era uma oportunidade rara e única de fazer algo de extraordinário e que só ele tinha essa oportunidade. Read the rest of this entry

Será que é importante seres tu mesmo?

Contam que um dia um Samurai, que era um guerreiro muito orgulhoso, veio ver um Mestre Zen. Embora fosse muito famoso, ao olhar o Mestre, sua beleza e o encanto daquele momento, o samurai sentiu-se nesse momento inferior.
Virou-se para o Mestre e disse-lhe:
-Por que me estou a sentir inferior? Ainda há momentos atrás, tudo estava bem. Quando aqui entrei, subitamente senti-me inferior e nunca me sentira assim antes. Encarei a morte muitas vezes, mas nunca experimentei medo algum. Por me sinto assustado agora? Read the rest of this entry

Porque no 2º Domingo de Agosto é dia do Pai no Brasil. Pai, quanto custa uma hora do teu tempo?

NeuroCrescimento

 Evoca-se como origem dessa data a Babilônia, onde, há mais de 4 mil anos. Um jovem chamado Elmesu teria moldado em argila o primeiro cartão. Desejava sorte, saúde e longa vida a seu pai. A institucionalização dessa data é bem mais recente. Em 1909, nos Estados Unidos, Sonora Luise resolveu criar um dia dedicado aos pais, motivada pela admiração que sentia pelo seu pai, William Jackson Smart. O interesse pela data difundiu-se da cidade de Spokane para todo o Estado de Washington e daí tornou-se uma festa nacional. Em 1972, o presidente americano Richard Nixon oficializou o “Dia do Pai” (Father’s Day). Fonte: Wikipédia.

 História:

“Um dia, quando um homem chegou tarde a casa, cansado e irritado após um dia de trabalho, encontrou, esperando por si à porta, o seu filho de 5 anos.

– Papá, posso fazer-te uma pergunta?

– Claro que sim. O que é?

– Quanto ganhas numa hora?

View original post mais 483 palavras

“Raiva” – Deixa o barro secar!

Uma vez uma menina ganhou um brinquedo no dia do seu aniversário.
Na manhã seguinte, uma amiguinha foi até sua casa para lhe fazer companhia e brincar. Mas a menina não podia ficar com a amiga, pois tinha que sair com a mãe.
A amiga pediu que a menina a deixasse ficar a brincar com o seu brinquedo novo até que ela voltasse. Ela não gostou muito da ideia, mas por insistência da mãe, acabou por aceitar.
Quando voltou para casa, a amiguinha já não estava lá e tinha deixado o brinquedo fora da caixa, todo espalhado e quebrado.
Ela ficou muito brava e queria ir até à casa da amiga para pedir satisfações no mesmo instante.
Mas a mãe ponderou:
– Lembras-te daquela vez que um carro meteu lama no teu sapato? Quando chegaste a casa querias limpar imediatamente aquela sujeira, mas a tua avó não deixou. Ela disse que tu deverias primeiro deixar o barro secar. Depois, seria mais fácil limpar!
E prosseguiu dizendo:
– Com a raiva é a mesma coisa. Deixa a raiva secar primeiro, depois será bem mais fácil resolver tudo.
A seguir a campainha tocou, era a amiguinha . Read the rest of this entry

“Portugueses sorriem menos…”. Já sorriste hoje?

A RTP  publicou ontem uma notícia sobre um estudo que indica que os portugueses sorriem menos. Lembrei-me de um artigo  publicado à algum tempo Já Sorriste hoje? , “..quando estamos a sorrir, estamos a estimular o cérebro a libertar endorfina e serotonina…” .

Transcrição da noticia: 

Os portugueses “manifestam cada vez mais emoções negativas e inibem o sorriso devido ao contexto de crise”, concluiu um investigador do sorriso, através da análise de mais de meio milhão de fotografias.

O diretor do Laboratório de Expressão Facial da Emoção e professor Freitas Magalhães está desde 2003 a analisar fotografias publicadas nos jornais diários portugueses, um projeto que faz parte de uma iniciativa mundial que termina em 2013.

Os resultados da investigação “Uma década de sorrisos em Portugal” indicam que “as mulheres continuam a sorrir mais do que os homens, apesar do registo descendente acentuadíssimo no primeiro semestre deste ano (2012)”, Read the rest of this entry