Category Archives: Parceria

Colaboradores deste Blog

Recordando… Conto de Natal…..

Olhar_Cego_CoraçãoRecordando…

Rafael o menino cego

Aquela era a noite da magia. A noite onde as famílias se recolhiam no aconchego do lar junto à farta chama que se vislumbrava das lareiras. As luzinhas de Natal que piscavam intermitentemente sobre os pinheiros adornados de fitas farfalhudas; bolas cintilantes, sininhos e pais natais de chocolate que vestem prata. Uma estrela que pousa no cume a recordar esse cintilo que se admira no céu. As mesas, algumas delas, decoradas no rigor das cores, no bom gosto das velas, na simplicidade de um arranjo alusivo à época. É Natal. É noite de Natal. Os adultos reunidos no acolhimento da fogueira, despidos dos mantos pesados que protegem o frio da rua, falam naquele modo confraternizador que amolece os corações Read the rest of this entry

Quando perdeste um filho! por Alfonso del Corral

O médico Alfonso del Corral foi responsável dos serviços médicos do Real Madrid e agora trabalha num hospital em Madrid.
Morreu-lhe um dos filhos, Álvaro, com 6 anos,  e experimentou “uma dor insuportável”. Esta dor pode superar-se, segundo ele, por dois motivos, um humano e outro divino: Read the rest of this entry

O tempo não pára

timePartilho convosco o que não há muito tempo aconteceu comigo. Havia algumas semanas que não via nem falava com um amiga, todos os dias pensava nela e dizia para mim mesma que tinha de lhe ligar. Mas não passava disso.
O silêncio dela era no mínimo estranho e havia uma voz interior que me dizia: liga, ela precisa de ti! Quando finalmente liguei e “emprestei” o meu ombro, lembrei-me que a voz tinha razão.
Com um sorriso e a mão estendida disse: eu sabia que tinha de te ligar! Read the rest of this entry

A Vida ensina a AMAR!

anjo_amor_ame-o-que-temExcerto da história no Blog de Carla Pais! 

O namorado deu de presente a sua namorada uma boneca.
Ela com raiva agarrou na boneca e lançou-a para o meio da rua, mesmo no momento que o namorado chegou.
Ele disse:- Porque lançaste a boneca fora?
Ela respondeu:- Porque não gostei do presente. Ele foi agarrar a boneca, quando um carro a alta velocidade o atropelou e causou de imediato sua morte.
No dia do funeral a namorada, chorando muito, agarrou a boneca e abraçou-a com muita força. E a boneca falou: ( Continuar a ler  ») 

+

Tem um dia fantástico. Diverte-te!

Conto de Natal…..

Olhar_Cego_CoraçãoRafael o menino cego

Aquela era a noite da magia. A noite onde as famílias se recolhiam no aconchego do lar junto à farta chama que se vislumbrava das lareiras. As luzinhas de Natal que piscavam intermitentemente sobre os pinheiros adornados de fitas farfalhudas; bolas cintilantes, sininhos e pais natais de chocolate que vestem prata. Uma estrela que pousa no cume a recordar esse cintilo que se admira no céu. As mesas, algumas delas, decoradas no rigor das cores, no bom gosto das velas, na simplicidade de um arranjo alusivo à época. É Natal. É noite de Natal. Os adultos reunidos no acolhimento da fogueira, despidos dos mantos pesados que protegem o frio da rua, falam naquele modo confraternizador que amolece os corações Read the rest of this entry

Balanço 2º Ano – Neurocrescimento!

vermundo1“Quem nunca muda a sua opinião é como água parada, cria repteis na mente.” -William Blake, o mundo também pode mudar se mudar-mos a forma de o ver!

Foi a 26/8/2011 que nasceu o Blog “ neurocrescimento ”.

Relembrando a ideia inicial deste blog, o mesmo foi criado com a intençao de guardar algumas histórias e parábolas recebidas por Email que foram ficando arquivadas.
Como sempre aprendi, a informação só tem valor quando:
1) Aplicada e posta em prática.
2) Transmitida a outras pessoas que possam aproveitar a mesma.

Com base nestas duas opções, decidi que criar um blog seria a melhor forma, ficaria a minha informação guardada e ao mesmo tempo disponível para partilhar com o mundo. Read the rest of this entry

Às vezes estás numa “encruzilhada” ?

indeciso_cruzamento_confuso_caminhoNuma encruzilhada estava um jovem sentado há várias horas. O seu olhar era distante, perdido. Fitava o horizonte como se fosse o cenário mais belo para apreciar naquela tarde de Outono. E naquele momento era de fato tudo o que queria olhar. Há já algum tempo que andava ansioso, triste, cabisbaixo, sem ânimo para viver o seu dia-a-dia. Quando se sentou naquele pedaço de pedra que encontrou, foi na esperança que uma luz lhe iluminasse o seu caminho. Estava de tal modo absorto nos seus pensamentos que não deu pela presença de uma velha senhora, que o olhava de lado enquanto sorria.
– Seja o que for que procures não o irás encontrar aqui parado!  Read the rest of this entry

Tu saltarias para uma piscina com crocodilos?

crocodilo3_Um milionário promoveu uma festa numa das suas mansões, e num determinado momento, pediu que a música parasse, e olhando para a piscina onde criava crocodilos australianos, lança a seguinte pergunta:
– Quem saltar para a piscina, conseguir atravessá-la e sair vivo do outro lado ganhará todos os meus carros. Alguém quer tentar?
Espantados, os convidados permanecem em silêncio, e o milionário sobe a oferta:
– Quem saltar na piscina, conseguir atravessá-la e sair vivo do outro lado ganhará todos os meus carros e os meus aviões. Alguém quer tentar?
O silêncio impera e, mais uma vez, ele sobe ainda mais a oferta:
– Quem saltar para a piscina, conseguir atravessá-la e sair vivo do outro lado ganhará todos os meus carros, os meus aviões e as minhas mansões. Alguém vai tentar?
Nesse momento, alguém salta para a piscina.

Read the rest of this entry

” E separam-se. Para sempre? Nunca se sabe! “

Amor_Oferta_PerspetivaConta-se que uma vez um casal, casados à largos anos, viviam felizes.
Ele um empresário bem-sucedido, com vários negócios, passava largas horas no escritório, ao passo que ela cuidava da casa e dos filhos. Um dia, ao pequeno-almoço ela chega-se ao pé dele e diz-lhe:
– Querido já não me ofereces flores há muito tempo!
Ele ouviu, ficou a pensar nisso e ao chegar ao escritório, pediu à empregada para mandar entregar 10 ramos de rosas em casa, para ela.
Quando à noite chegou a casa, muito feliz pelo que tinha feito, a esposa diz-lhe, temos de ter uma conversa séria:
– Quero o divórcio! Read the rest of this entry

Imaturidade de valores

valores_Imaturidade_Amor_Crescimento_PArtilha_EducaçãoInseridos num conceito de sociedade podemos descrever-mo-nos, como um conjunto de pessoas, ligadas por ideias ou por algum interesse comum.

Ao longo desta nossa, limitada, existência à qual, enchemos o peito para apelidar de vida, vamo-nos sustentando de valores (o que vale algo). Valores esses, que determinam o princípio do nosso caminho, sustentando-nos o Ser, o espírito e a alma. São eles que nos vão conduzindo, conscientemente ou não, ao longo desta nossa estadia, num planeta que nos acolhe de forma sublime e sem reservas, no que respeita ao nosso fraco agradecimento. Read the rest of this entry